AUG
16
2015

Você pode ajudar a melhorar ainda mais as tecnologias do KDE!

A vida moderna tem se tornado cada vez mais dependente de sistemas de software. Muitos dispositivos usados diariamente contam com Software Livre para suas funcionalidades basicas ou serviços adicionais. Aparelhos de TV, ATMs, smartphones, media centers e sistemas de entretenimento de bordo são exemplos do que o Software Livre vem impulsionando aos limites da tecnologia atual. Isto é alcançado através do uso de soluções comprovadas, desenvolvidas de maneira colaborativa, aberta e confiável. As Áreas de trabalho, Aplicações e Frameworks entregues pelo KDE são representantes do empoderamento que o Software Livre fornece para nossas vidas. Os Exemplos disso são as aplicações educacionais da suíte  KDE-Edu, muitas das tecnologias KDE implementadas em centros públicos de inclusão digital e um conjunto completo de software aberto para dispositivos móveis como o Plasma Mobile.

Doações para a campanha de arrecadação de fundos do KDE Sprints 2015

Além disso, nos últimos anos, o KDE tem sido uma comunidade bastante proveitosa para incubação de projetos como GCompris, ownCloud e WikiFM. Este é uma bom indicativo do quanto a comunidade tem se tornado aberta, diversa e arrojada. O KDE também treina jovens profissionais de Ciência da Computação: Nossa participação contínua em programas tais como Google Summer of Code (GSoC) e Season of KDE (SoK) tem fornecido uma atmosfera acolhedora e fértil para novatos, ajudando a alavancar suas habilidades técnicas e sociais e desfrutar a experiência completa da contribuição de Software Livre.

Embora muitos dos trabalhos em projetos de Software Livre sejam feitos remotamente, mediados através de debates em listas de e-mail e canais IRC, é bem conhecido que estes encontros presenciais (sprints) são importantes na condução de objetivos gerais. Eles ajudam a ter discussões aprofundadas e a fazer as tarefas. Os sprints são uma oportunidade para os colaboradores fazerem o trabalho duro focados, todos entusiasmados e comprometidos para obter o máximo destes dias. Os sprints fazem as ideias mais inovadoras e arrojadas se tornarem realidade. Os novatos se juntam com seus corações tomados pela atmosfera vibrante e próspera que eles experimentam.

Pessoas focadas no trabalho durante um sprint KDE

O KDE tem uma forte tradição na organização de sprints, focados nas diferentes tecnologias KDE. Ao longo dos últimos anos, nós realizamos sprints que reuniram desenvolvedores de times como na suíte Kontact, Plasma, digiKam, Calligra, Krita, Okular e muito mais.

Durante os dias de sprint, colaboradores de longa data, novatos potenciais e estudantes GSoC/SoK se reúnem para construir e melhorar relações, fortalecer a colaboração e criar incríveis produtos KDE.

Os Encontros Randa em particular são dos sprints KDE mais bem sucedidos. Eles permitem aos colaboradores dos muitos projetos KDE fazerem trabalhos impressionantes em um lugar silencioso nas montanhas. Focados e trabalhando em salas com equipes separadas leva a grande progresso entre software, artwork e documentação e a sala de jantar compartilhada constrói boas relações e amizades.

Foto do grupo - Encontros Randa 2014

Neste ano o lema dos Encontros Randa é "Traga o touch para o KDE". É um esforço unificado para fazer aplicações KDE prontas para dispositivos baseados em toque e parece uma sequência lógica ao projeto Plasma Mobile anunciado no Akademy 2015 no final de setembro. Mas esta é apenas uma coincidência agradável.

Para fazer tudo isso acontecer, o KDE depende do apoio dos nossos patrocinadores e de iniciativas como o Join the Game e o Supporting Membership Program. Sua colaboração pode fazer a diferença ajudando-nos a realizar todos aqueles sprints. A campanha de arrecadação de fundos do Randa do ano passado foi de extrema importância para cobrir as despesas de participação dos colaboradores. Nós acreditamos que é uma grande recompensa para aqueles que dedicam seus tempos livres como voluntários e continuam expandindo as fronteiras das tecnologias do KDE. Nós gostaríamos de conquistar você como um apoiador ativo do KDE, colaborando no desenvolvimento, tradução, artwork e atividades de promoção. Se você não é capaz de fazer isto por qualquer motivo, por favor, considere fazer uma doação na campanha de arrecadação de fundos dos Sprints KDE 2015. Esta também é uma importante maneira de ajudar-nos a seguir  em frente com as tecnologias e os valores do KDE. Nós ficaremos felizes de enviar-lhes um agradável presente de "Obrigado" em troca!

Confira o que fizemos no Encontro Randa KDE 2014

(texto original por Sandro Andrade, tradução de Fernando Teles)

JUL
26
2015

Plasma Mobile, uma plataforma mobile livre

Texto de Sebastian Kügler

Plasma Mobile oferece uma plataforma para dispositivos móveis que é Livre (como em liberdade), amigável, com privacidade e customizável. Plasma Mobile é Software Livre, e é desenvolvido através de um processo aberto. O Plasma Mobile está atualmente em desenvolvimento como um protótipo oferecendo funções básicas para rodar em um smartphone.

 

 

O Plasma Mobile oferece...

  • Liberdade. O Plasma Mobile é Software Livre e Open Source. Ele pode ser adquirido gratuitamente e seu código é licensiado de maneira que é possível alterá-lo de qualquer forma, redistribuí-lo e entender como ele funciona.
  • Facilidade de uso. O Plasma Mobile é construído através de um processo aberto, certificando-se de que as exigências e desejos dos usuários sejam ouvidas e implementadas da melhor maneira possível. Ergonomia e integração entre dispositivos sobre uma pilha de software de alta qualidade fornece um sistema estável, rico e confiável que ajuda os usuários a realizar suas tarefas de forma eficiente e eficaz.
  • Privacidade. O Plasma Mobile se integra com serviços de confiança do usuário. Em vez de depender de reivindicações de hardware ou sistema operacional de fornecedores, a confiança é baseada em software que foi auditado em um processo de desenvolvimento aberto, Software Livre e Open Source que pode ser combinado com serviços de fontes confiáveis, incluindo aquelas mantidas pelo próprio usuário.
  • Customização e personalização. O Plasma Mobile foi construído com modularidade desde o início. Do papel de parede e aparência aos componentes do sistema de nível mais baixo, quase todos os aspectos do sistema podem ser customizados.

 

Ativando a comunidade


O objetivo do Plasma Mobile é dar ao usuário pleno uso do dispositivo. Ele foi concebido como um sistema inclusivo, destinado a suportar todos os tipos de aplicativos. Aplicativos nativos são desenvolvidos utilizando Qt; ele também irá suportar aplicativos escritos em GTK, aplicativos do Android, aplicativos do Ubuntu, e muitos outros, se a licença permitir e o aplicativo puder ser feito para funcionar em um nível técnico.

O processo de desenvolvimento do Plasma Mobile acolhe contribuições em todos os níveis. Se você quer trabalhar com um aplicativo legal, se você quer fornecer uma funcionalidade do sistema como um hotspot móvel, se você quer melhorar o gerenciamento de energia no nível do kernel, se você quer ajudar com o design, o Plasma Mobile aprecia suas contribuições.

Se você quer participar na criação de Plasma Mobile, entre em contato com a gente!

 

Um sistema que você pode confiar


A maioria das ofertas em dispositivos móveis carecem de abertura e confiança. Em um mundo de jardins murados, o Plasma Mobile pretende ser uma plataforma que respeita e protege a privacidade do usuário. Ele fornece uma base totalmente aberta que outras pessoas podem ajudar a desenvolver e usar para si próprias, ou em seus produtos.

Como uma comunidade de Software Livre, é nossa missão dar aos usuários a opção de manter total controle sobre seus dados. A escolha de um sistema operacional móvel não deve ser uma escolha entre ausência de funções ou abandono da privacidade de dados do usuário e informações pessoais. O Plasma Mobile oferece a possibilidade de escolher os serviços que estão autorizados a integrar profundamente no sistema. Ele não compartilhará quaisquer dados a menos que seja explicitamente solicitado.

 

Protótipo já disponível


O Plasma Mobile está disponível como um protótipo de desenvolvedor rodando em um smartphone LG Nexus 5. Ele consegue fazer e receber chamadas telefônicas. Ele fornece um espaço de trabalho para gerenciar o sistema, e um alternador de tarefas para controlar e navegar nos aplicativos do dispositivo. Há também compilações x86, adequadas para um ExoPC, por exemplo, que podem ser úteis para teste. Vários aplicativos foram incluídos - nativos e de terceiros - nas imagens do dispositivo para permitir que o sistema seja testado e melhorado.

Descubra como você mesmo pode dar uma olhada!

 

Onde posso encontrar ...


Mais informações, tais como instruções de instalação, estão disponíveis na wiki do Plasma Mobile, no site do Plasma Mobile e no weblog do Sebas. O código para vários componentes do Plasma Mobile pode ser encontrado em git.kde.org.

Faça perguntas no Fórum do Plasma Mobile, ou envie um email para a lista de discussão plasma-devel, ou (para perguntas privadas) a Sebastian Kügler (sebas@kde.org).

JUL
13
2015

Engrenagem - o videocast oficial do KDE Brasil - episódio 2

Engrenagem - episódio 2

 

Dando continuidade ao "Engrenagem" - o programa oficial de videocasts do KDE Brasil - o segundo episódio acontecerá no dia 18/07/2015, sábado, as 10:30. Neste episódio trataremos do tema "A Importância do Qt para o KDE". O videocast será transmitido ao vivo no youtube do KDE Brasil, mas também poderá ser assistido após a realização da transmissão. Para participar fazendo perguntas é só utilizar nosso canal #kde-brasil no freenode.

Participe e conheça um pouco mais sobre a comunidade de software livre mais vibrante do Brasil :)

JUL
4
2015

KDE e Qt no FISL 16

Repetindo o que já se tornou comum nos últimos anos, o KDE leva ao Fórum Internacional de Software Livre (FISL) uma interessante programação sobre os softwares desenvolvidos pela comunidade e também avanços e usos do Qt.

Nessa edição, destacamos a palestra do Cornelius Schumacher, contribuidor de longa data do KDE e ex-presidente do KDE e.V., que falará sobre como a comunidade de software livre contribui para o crescimento técnico e profissional de seus colaboradores e como isso influencia na nova geração de líderes e desenvolvedores que prezam o compartilhamento, a excelência técnica, o bem-comum e muito mais.

Outro destaque será nosso encontro comunitário. Junte-se a nós e vamos falar sobre o excitante mundo que vem surgindo com o KDE Plasma 5, KDE Frameworks 5 e KDE Applications!

Uma diferença em relação aos anos anteriores é que nesse FISL estaremos na área de expositores, com um estande bonito e confortável para receber todos os que queiram saber mais sobre o KDE. Traga suas dúvidas ou junte-se aos nossos desenvolvedores, tradutores, artistas e outros colaboradores que estarão trabalhando e contribuindo para o projeto diretamente do evento.

Abaixo listamos algumas atividades do FISL que focarão em demonstrações de softwares do KDE ou usos do Qt. A programação completa do evento está nesta página.

8 de Julho

9 de Julho

10 de Julho

11 de Julho

E nos vemos no FISL!

JUN
13
2015

Obrigado aos doadores do LaKademy 2015!

Contribuição é uma palavra chave quando falamos de software livre. Existem várias formas de contribuir: alguns doam força de trabalho, desenvolvendo código, gerenciando servidores, produzindo material artístico, traduzindo, entre outras. E também há a possibilidade de contribuir através de doação financeira.

Na comunidade KDE as doações financeiras são principalmente utilizadas para possibilitar a reunião presencial de diversos colaboradores a fim de trabalharem em algo específico, discutir e decidir assuntos complexos, entre outros. Chamamos essas reuniões de sprints, e mesmo que possamos imaginar que 99.95% do trabalho nas comunidades de software livre seja feito de forma remota, com colaboradores espalhados ao redor do mundo, o 0.05% de trabalho presencial é fundamental para alavancar projetos de fôlego que têm forte impacto nos softwares desenvolvidos.

Para o LaKademy 2015 - a conferência latinoamericana do KDE - o KDE Brasil lançou sua primeira campanha de arrecadação de fundos. Dos 10.000 reais pedidos, nossos doadores enviaram 2.051 via Vakinha e 318 via PayPal. Após a dedução das taxas daquelas empresas, ficamos com 1938,54 e 290,87, respectivamente, totalizando 2229,41 reais, quase 22.3% da meta. Apesar do dinheiro não ter sido suficiente para bancar todo o evento, ele foi utilizado para custear a hospedagem dos participantes em um hostel. O que sobrou será utilizado na confecção de material promocional a ser utilizado nos eventos de software livre nacionais.

Gostaríamos de externar nossos agradecimentos aos doadores da campanha, que permitiram que nosso encontro latino-americano acontecesse. Segue abaixo a lista dos doadores, em ordem alfabética. Nosso muito obrigado por vocês apoiarem o KDE e o software livre!

  • André Vitor De Lima Matos
  • Aleix Pol Gonzalez
  • Alexandre Rodrigues Vianna
  • André Brasil Vieira Wyzykowski
  • André Marcelo Alvarenga
  • Aracele
  • Boudewijn Rempt
  • Christina Von Flach
  • Dominik Keller
  • Fernanda Santangelo
  • Filipe de Oliveira Saraiva
  • Francisco Borges Fernandes Júnior
  • Frederico Pflug
  • Henrique Sant'Anna
  • Joan Maspons
  • José Reinaldo Rocha
  • Klaibson Natal Ribeiro Borges
  • Michal Klaus
  • Natasha Karenina de Sousa Rego
  • Rafael Bantu
  • Rafael Fagundes
  • Renata Medeiros Marés de Souza
  • Ruan Carlos Aragão Sousa
  • Vladimir
  • Wagner Reck

E fiquem ligados aqui no blog e no Planet KDE Português para os relatórios dos participantes sobre o que rolou no LaKademy 2015!

APR
20
2015

Ajude a realizar o LaKademy 2015!

Quem conhece o funcionamento das comunidades de Software Livre sabe que elas dependem não só do trabalho e da dedicação de voluntários, mas também da ajuda financeira deles. Na nossa comunidade não é diferente. Todo o trabalho feito para que você tenha softwares elegantes e eficientes rodando na sua máquina só é possível graças a ajuda de milhares de voluntários ao redor do mundo. Voluntários que programam, que traduzem, que encontram erros, que escrevem documentação, que trabalham com design, que promovem os softwares e sua comunidade. Mas para que todo esse trabalho duro seja realizado, é necessário investimento financeiro: para a realização de eventos em várias partes do mundo que reúnem esses diversos colaboradores; para a produção de material promocional sobre a comunidade; para custear passagens e hospedagens desses colaboradores que rodam o mundo ministrando palestras ou participando de sprints/sessões de hacking.

 

Foto em grupo do LaKademy 2014

 

Este ano, nós, colaboradores da comunidade KDE na América-Latina, gostaríamos da ajuda financeira de todos vocês para que possamos realizar mais um LaKademy, nosso encontro anual onde reunimos programadores, tradutores, designers e demais colaboradores de diversos países da América-Latina para trabalhar na lapidação de nossos softwares e da comunidade. Para isso, criamos uma campanha de arrecadação de fundos que serão destinados a custear as despesas de realização do evento. Ao todo serão 10 colaboradores vindos do Brasil, Peru e Argentina. Eles se reunirão durante 4 intensos dias de trabalho na capital baiana, durante os dias 3 e 6 de junho deste ano.


Nos ajude, faça uma doação! Contribua com a comunidade que faz os softwares livres que você ama <3

Você usuário é o principal beneficiado com isso! :)

Nós agradecemos!
 

* Para mais informações sobre as despesas de realização do evento, clique aqui.

* Para mais informações sobre a história do LaKademy, basta acessar esta página.

DEC
8
2014

Presenteie o KDE! - Campanha de Doações de Fim de Ano 2014

 

Chega o final do ano e junto dele a tradicional época de presentear amigos e familiares queridos. E que tal colocar o KDE na sua lista de agraciados deste ano?

Nesse 2014 tivemos o lançamento de importantes reinvenções dos softwares desenvolvidos pela comunidade: Frameworks 5, Plasma 5, e ainda esse mês, Applications 14.12. Um grande trabalho de redesign e reescrita de software que vem sendo realizado nos últimos anos e que mobilizou desenvolvedores, tradutores, sysadmins, e demais colaboradores de todo o mundo.

Fazer tudo isso acontecer demanda recursos e investimentos. Para se ter uma ideia, em 2014, € 30.000 foram gastos em viagens e alojamentos de mais de 100 colaboradores em diversos sprints realizados ao longo do ano. E ainda houveram os custos de manutenção de servidores e serviços na internet.

Portanto, se você gostaria de retribuir todo esse esforço já realizado e possibilitar ainda mais avanços e melhorias nesses softwares, participe da Campanha de Doações de Fim de Ano do KDE. Na página você encontrará informações sobre como doar, prêmios para doadores que realizarem doações acima de determinado valor (cartões postais físicos do Konqi!), onde mais o dinheiro é investido, e inclusive como acompanhar os gastos realizados.

E desde já fica nosso agradecimento e desejos de um novo ano com menos bugs e mais features para todos!

OCT
15
2014

KDE no Latinoware 2014

E começou a edição 2014 do Latinoware, um dos maiores eventos de software livre na América Latina. Dessa vez a conferência acontece de 15 à 17 de outubro, novamente na acolhedora cidade de Foz do Iguaçú.

Esse ano a participação do KDE será um pouco menor, devido às correrias do dia-a-dia que impediram a participação de vários rostos conhecidos da comunidade. Não teremos stand como nos anos anteriores, mas ainda assim haverá diversas atividades baseadas nos produtos desenvolvidos pelo KDE - incluindo a participação de Boudewijn Rempt, um dos principais desenvolvedores da ferramenta gráfica Krita.

Segue a programação abaixo:

Palestras:

Dia 15/10

16h - Edição de vídeos na prática com kdenlive, com Carlos Cartola

Dia 16/10

17h - Possibilidades pedagógicas com o editor de imagens KolourPaint, com Glenilce Maria de Sousa Forte

Dia 17/10

12h - Concept Designer com Krita

14:15h - Free and Libre Graphics Software: a digital studio that is yours, com Boudewijn Rempt

E fique a vontade para participar do KDE Brasil e auxiliar tanto no desenvolvimento dos softwares quanto na construção de atividades e eventos da comunidade!

SEP
10
2014

LaKademy 2014

De 27 a 30 de agosto de 2014, aproximadamente dezesseis fãs do KDE reuniram-se no 2º LaKademy - A Conferência Latino-Americana do KDE. O sprint ocorreu no Centro de Competência em Software Livre (CCSL) na Universidade de São Paulo (USP), sudeste do Brasil.

Um pouco de história

Desde 2008, muitas iniciativas foram tomadas para a promoção e divulgação da comunidade e tecnologias KDE no Brasil e na América Latina. Mesmo que as vezes em ritmo lento, esse esforço tem alcançado bons resultados na disseminação de motivações e benefícios de se envolver em uma comunidade de software livre vibrante, principalmente em uma região onde a tradição de sprints não está totalmente consolidada.

Em 2010 o 1º Akademy-BR (Conferência Brasileira do KDE) ocorreu na Praia do Forte, Bahia, nordeste do Brasil. Aproximadamente 20 participantes reuniram-se em um encontro de três dias, onde alguns dos contribuidores brasileiros atualmente ativos do KDE deram seus primeiros passos contribuindo com codificação, tradução e promoção. Algumas pessoas vieram e se foram, mas algumas delas foram seduzidas com a ideia de seguirem juntas na busca pelo conhecimento compartilhado e de tornar o mundo melhor com software livre de alta qualidade. Estas continuam impulsionando o KDE em suas universidades, empresas e eventos de grande visibilidade como FISL e Latinoware.

Após o Akademy-BR, nos concentramos na tentativa de melhor integrar a comunidade KDE em países da América Latina. Em edições anteriores do Latinoware, alguns contribuidores do Peru e Argentina foram convidados a apresentar seus trabalhos, reunir-se com os companheiros brasileiros e ajudar nas decisões acerca de ações para estreitar as relações do KDE na América Latina. Tal esforço culminou no 1º LaKademy, realizado em Porto Alegre, sul do Brasil, de 27 de abril a 1º de maio de 2012. Dezesseis participantes do Brasil, Argentina e Peru envolveram-se em artwork, tradução, promoção e atividades de desenvolvimento.

Dois anos se passaram até o 2º LaKademy ser realizado no Centro de Competência em Software Livre (CCSL) na Universidade de São Paulo (USP), nos dias 27 a 30 de agosto de 2014. A USP é uma das mais importantes e prestigiadas universidades no mundo e o CCSL é um prédio de dois andares inteiramente dedicado a projetos de software livre, bem próximo ao IME (Instituto de Matemática e Estatística) - onde são oferecidos os cursos de Ciência da Computação, Matemática e Estatística. Motivados pela expectativa de atrair novos contribuidores em potencial ao KDE, optamos por uma programação com palestras sobre o KDE no primeiro dia, um minicurso introdutório de Qt no segundo dia, e os sprints habituais de contribuição nos dois últimos dias do LaKademy 2014. Infelizmente, o número de visitantes foi menor que o esperado. Apesar disto, as palestras permitiram uma melhor socialização dos trabalhos que cada um desenvolve no KDE e o minicurso de Qt foi um espaço utilizado para esclarecimento de dúvidas comuns, além de proporcionar um suporte inicial em especial aos recém-chegados ao KDE através do LaKademy 2014.

LaKademy 2014 - Group Photo

Foto do Grupo LaKademy 2014

O que nós fizemos?

O primeiro dia do LaKademy 2014 iniciou com a palestra do Lamarque sobre Eduroam e Plasma Network Management. Em seguida, Rafael Gomes apresentou sua palestra sobre o KDE SysAdmin - fornecendo algumas informações interessantes sobre a infraestrutura KDE e todo o trabalho realizado nos bastidores, a fim de apoiar o desenvolvimento de tecnologias KDE e a comunicação da comunidade. A palestra seguinte foi sobre o KDE Connect, apresentada por Ronny Yabar, onde foram expostos as características mais marcantes da integração mobile-desktop KDE, seguida por uma breve discussão sobre sua arquitetura. No final do dia, Filipe Saraiva apresentou uma palestra sobre aplicativos Qt e KDE no Android, com atenção especial ao caso GCompris.

Palestra do Rafael sobre KDE SysAdmin

Um minicurso introdutório de Qt foi apresentado por Sandro Andrade no segundo dia do LaKademy 2014. Dado o tempo limitado disponível, foram focados aspectos essenciais que fundamentam as formas de desenvolvimento de aplicativos multiplataformas em Qt: mecanismo sinal/slots, propriedades (dinâmicas), metaobjetos, compiladores moc e uic, loops de eventos e design básico de interfaces usando o QtWidgets e QML. No público: alguns recém-chegados convidados a participar do LaKademy, tradutores tentando obter uma compreensão sobre programação, veteranos ajudando a tornar alguns pontos mais claros e três visitantes da USP.

O terceiro e quarto dia foram dedicados a sessões de hacking e um BoF sobre KDE promo. Entre os resultados do desenvolvimento, conseguimos portar o Bovo para KF5 (foi enviado para o branch 'frameworks' do repositório do bovo) e Filipe deu início ao porte do Cantor para KF5. Ronny submeteu para revisão algumas mudanças sobre o KDE Connect. Filipe também começou a criação de um metapacote para KF5 no Mageia. Boaglio e Sandro (dois geeks old-school com uma inexplicável paixão por MSX) deram início ao desenvolvimento do QMSX - um frontend GUI para o emulador openmsx:

O frontend QMSX para openmsx

O BoF sobre KDE promo durou cerca de duas horas e levantou uma série de questões, avaliação de estratégias e dezessete tarefas foram registradas no todo.kde.org (projeto 'KDE Brazil'), incluindo o desenvolvimento de material promocional, produção de vídeos periódicos, presença do KDE nas redes sociais e aspectos financeiros. Filipe auxiliou na configuração de bots para divulgação de notícias no Facebook e Twitter. O próximo LaKademy também rendeu uma discussão empolgante durante o BoF. Em geral, concordamos em realizar o 3º LaKademy já no primeiro semestre de 2015. O local está quase confirmado.

Quanto aos resultados de artwork, Adriana (que juntou-se ao grupo no último minuto), Viviane e Wagner produziram algumas coisas incríveis durante aqueles dias. Um tema KSplash comemorativo do LaKademy também foi desenvolvido. E quanto a estes papéis de parede do novo Konqi e do LaKademy? 

    

Papéis de parede desenvolvidos durante o LaKademy 2014

Finalmente, Aracele, Camila e Bianca estiveram envolvidas em atividades de tradução. Elas focaram na tradução do techbase, o qual foi de 18% para 24% durante aqueles dias. No final do terceiro dia, tivemos uma adorável noite de cerveja-e-pizza no Garoa Hacker Club, com um monte de palestras relâmpago, chaveiros KDE saindo de uma impressora 3D e outras nerdices.

Gostaríamos de dizer um imenso "muito obrigado" ao KDE e.V. pelo apoio financeiro, ao Centro de Competência em Software Livre por hospedar o LaKademy 2014, a Viviane Notato pelo suporte de artwork e a Aracele e Filipe pelos arranjos locais. Esperamos nos encontrar novamente em breve, no LaKademy 2015, com 4 a 5 dias dedicados apenas a sprints. Nenhuma palestra, nenhum minicurso :). Afinal, onde podemos obter o máximo de diversão contribuindo para o KDE?

LaKademy 2014 flickr photoset

AUG
17
2014

Últimos dias para inscrições do LaKademy 2014

LaKademy 2014 - Conferência Latino-Americana do KDE trás uma série de palestras, minicursos, sessões de hacking e reuniões com membros da comunidade de vários lugares da América Latina que contribuem de diferentes maneiras com o projeto.

O objetivo do LaKademy é tanto congregar a comunidade de desenvolvedores e usuários quanto servir como mais uma porta de entrada para novos colaboradores ao projeto.

Não precisa ser usuário ou colaborador do KDE para participar - todos são bem-vindos ao evento, que inclusive conta com uma programação diversificada, reflexo de como o KDE hoje é um grande guarda-chuva de diferentes outros projetos.

Entre outros, a programação apresentará palestras sobre administração de sistemas do KDE, artwork, minicurso sobre Qt, KDE e Qt no Android, tradução e internacionalização de software, como configurar um ambiente e contribuir com código para o KDE, e muito mais.

O LaKademy vai acontecer no CCSL da USP - São Paulo, de 27 à 30 de agosto.

Lembre-se: Inscrições vão até esta quinta-feira (21/08/2014) e são gratuitas! - mas considere fazer uma doação ao projeto durante a inscrição.

Páginas